Copercampos
Associados Copercampos
Webmail
Instagram

NOTÍCIAS

Associado da Copercampos produz mais de 98 sacos/ha de soja em concurso de produtividade

14/07/2017

Em parceria com a Syngenta, cooperativa realiza concurso Top Soja e Hermann Hartmann obtém maior produtividade entre associados. Média da lavoura também foi diferenciada.

Produzir mais é o grande objetivo dos associados da Copercampos e romper a barreira dos 100 sacos/ha de soja é uma missão presente na rotina de técnicos e produtores. E para facilitar esse objetivo, a Copercampos, em parceria com a Syngenta, desenvolveu na safra 2016/2017, o Programa Top Soja, concurso de produtividade que buscou apresentar soluções inovadoras e tecnologia de ponta para aumentar a média produtividade com a oleaginosa.
Neste primeiro ano do projeto, 17 áreas de associados foram inscritas. Durante a quinta-feira, 13 de julho, o grande campeão do concurso foi conhecido, assim como o técnico que acompanhou a lavoura durante todo seu desenvolvimento.

O associado Hermann Hartmann foi o grande campeão do Top Soja, colhendo em uma área de 2hectares, 98,64 sacos de soja/ha. Mas o grande diferencial da área foi a média final obtida em 45ha. Hermann colheu no total da área, utilizando o portfólio de produtos da Syngenta, 94,36 sacos/ha. “Nós usamos o portfólio de produtos recomendados, o clima foi espetacular e influenciou muito nessa produção, mas temos outros fatores que auxiliaram, como ter uma área com correção de solo com a Agricultura de Precisão que tem custos, e nós sabemos disso, mas para obter grande produção o manejo também custo alto, porém, o produtor que quer produzir mais, aumentar a média em toda a propriedade, precisa fazer diferente e nós estamos neste caminho. Ficamos contentes por essa marca e esperamos que na próxima safra, a média da fazenda seja maior, seguindo esses conceitos utilizados na área do concurso”, ressaltou Hermann.
Como prêmio, Hermann ganhou uma viagem ao Mundo Agro nos Estados Unidos da América. Já a esposa do associado recebeu um anel de brilhantes. O Engenheiro Agrônomo Marcos Schlegel, que presta assistência na propriedade ganhou uma viagem ao litoral da Bahia.

Segundo o responsável comercial da Syngenta, Luiz Felipe Coelho, com o concurso, o produtor utiliza os produtos da Syngenta, com a recomendação do técnico da cooperativa, para prestar um atendimento diferenciado a alcançar altos tetos produtivos. “O objetivo principal deixar um legado e se tornar referência em produtividade com os cooperados, rompendo a barreira dos 100 sacos/ha, trazendo mais produtividade e rentabilidade ao produtor. Nós evidenciamos que a média de produção dos participantes do Top Soja, alcançaram uma produtividade média de 74 sacos/ha, mas as top três áreas romperam os 90 sacos/ha de soja, então, demonstramos que estamos no caminho certo para proporcionar renda aos sojicultores”, explicou Luiz Felipe.

No evento, a Syngenta lançou o concurso Top Soja 2017/2018. A adesão ao concurso acontece até o dia 30 de setembro, com inscrições de áreas até 30 de novembro de 2017. Neste ano, o produtor poderá inscrever até 3 áreas distintas, em propriedades diferentes ou em talhões diferentes na mesma propriedade. O ganhador do concurso da próxima safra ganhará uma viagem ao evento Mundo Agro Argentina em 2018.

Ainda durante o encontro, o DTM da Syngenta Mateus Remor apresentou a mudança de posicionamento de produtos da empresa para controle de doenças de soja, focada em ferrugem asiática. Segundo Mateus, são necessárias algumas medidas para controlar a ferrugem, com um manejo consciente. “Estabelecemos dez mandamentos para manejo consciente das áreas, como iniciar as aplicações de fungicidas preventivamente, usar os quatro modos de ação de controle de pragas, turbinar a eficiência do programa com multissítios e triazóis, ter o máximo de duas aplicações de carboxamidas, em misturas no início do ciclo, utilizar doses e intervalos recomendados, seguir recomendações do vazio sanitário, respeitar o “Escape” plantando na época certa, privilegiar variedade de ciclos mais curtos, explorar a tolerância genética de variedades e usar uma tecnologia eficiente de aplicação. Com esses conceitos, teremos a continuidade e eficiência dos produtos disponíveis hoje e conseguiremos manejar a ferrugem e evitar maiores prejuízos com a doença”, afirmou Mateus.
 
 
voltar

Com matriz em Campos Novos, município reconhecido como “Celeiro Catarinense”, a Copercampos tem suas principais atividades focadas na produção e comercialização de cereais, produção de sementes, venda de insumos e agroindústria. Hoje são mais de 50 unidades distribuídas nos estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

CONTATO

TELEFONES
Fone 49 3541 6000
Fax 49 3541 6033

ENDEREÇO
Rodovia BR 282 - Km 342 - Nº 23
Bairro Boa Vista - Caixa Postal 161
CEP 89620-000 - Campos Novos/SC

CURTA COPERCAMPOS NO FACEBOOK